terça-feira, 12 de junho de 2012

Hora da escolinha!



Por volta dos 4 anos de idade, as crianças costumam sair da exclusividade do seio familiar para explorar e conhecer novos ambientes,  como a escolinha, ideal para desenvolver a disciplina,   aprender a compartilhar com as outras crianças e aperfeiçoar suas capacidades cognitivas e criativas.

Mas se engana quem pensa que este momento é uma descoberta apenas para os pequeninos. Muitas mamães e papais também se sentem inseguros com esta nova fase e uma pontinha de saudade da época em que a criança dependia exclusivamente dos seus pais. Conhecer o mundo e perceber que ele se amplia além de sua própria casa pode ser um momento de deslumbramento ou desespero, dependendo da criança.

O primeiro dia na escolinha é sempre de muitas surpresas: ”Será que ele vai chorar?”, “Será que ele vai pedir para voltar pra casa?”. São sempre muitas dúvidas que assombram a cabeça dos adultos e também dos pequeninos. Veja as dicas que preparamos para amenizar o impacto do primeiro dia na escola:

1.       Durante o trajeto vá conversando com a criança e dê a sua palavra de que em determinado horário estará de volta para pegá-lo. Isso pode tranqüilizá-los. 
2.       Mostre para ele as outras crianças e converse com ele sobre o quanto eles poderão brincar juntos  no novo ambiente.
3.       Converse sempre com os educadores da sua escola. Esteja sempre atenta onde o seu filho está errando e acertando para escolher os melhores caminhos pra ele. Participe da vida escolar!
4.       Começar com uma escolinha de meio período pode ser menos desgastante para a criança, do que iniciar na fase escolar em período integral.
5.       Pesquise bastante as escolas na sua cidade e avalie o método de ensino, as atividades lúdicas e extracurriculares, e é claro, a alimentação.

E não se esqueça de sempre deixá-los bem perfumados com a Colônia Cheirinho de Bebê! 
E compartilhe com a gente: como foi o 1º dia de escola do seu filho?

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir